ODONTOPEDIATRIA

Os pais ou responsáveis devem participar do processo de controle da dieta alimentar, orientando as crianças sobre o tipo de alimento e os horários mais adequados.



Prevenção

A supervisão e complementação da higienização bucal também são de responsabilidade dos pais até que a criança desenvolva habilidade e consciência necessárias.
A partir dos quatro ou cinco anos de idade a criança deve receber orientação e acompanhamento profissional para a conscientização e o desenvolvimento de habilidade para escovação e uso do fio dental.

O flúor também é um produto eficiente e seguro em qualquer idade para o fortalecimento da estrutura dental, mas só deve ser utilizado após uma avaliação do odontopediatra.

O selante é um material que pode ser aplicado em dentes sadios, para impedir a adesão de resíduos alimentares e da placa bacteriana.
É um processo simples e indolor que evita a cárie na região onde foi aplicado o produto.



Traumatismos

Os traumatismos da região oro-facial são comuns durante a infância. Quedas de berço, da cama, durante o aprendizado de andar ou quedas de bicicleta e outros esportes em crianças maiores podem causar lesões faciais em tecidos moles (lábios, bochechas e gengivas) ou tecidos duros (dentes e ossos da face).
É importante a avaliação imediata do odontopediatra, que através de exame clínico e radiográfico poderá determinar a extensão das lesões e prestar o atendimento adequado.

Quando o atendimento é realizado logo após o acidente o prognóstico é melhor. Caso ocorra avulsão total de um dente permanente, ou seja, o dente sair inteiro do alvéolo ósseo, procurar imediatamente um odontopediatra, levando o dente imerso em soro fisiológico ou leite para se avaliar a possibilidade de um reimplante dental.
Na falta de leite ou soro colocar em água limpa.
Não lavar o dente com produtos de limpeza ou antisépticos, não raspar o dente e não secá-lo.

Erupção dos dentes permanentes

Os primeiros dentes permanentes iniciam a sua formação na época do nascimento da criança, porém a erupção dos primeiros dentes permanentes ocorre apenas por volta dos 6 anos de idade.